Artigos com a tag ‘parar de fumar’

Parar de fumar melhora taxas de colesterol

O fim do hábito de fumar promove rapidamente outro benefício ao fumante logo de cara: a melhora de seu colesterol. Com o adeus ao cigarro, o ex-fumante observa a alta da taxa do bom colesterol. O HDL é uma proteção natural contra doenças cardiovasculares e baixas concentrações dele são um fator de risco para doenças como a arteriosclerose.

A nova descoberta lança luz sobre a relação do tabagismo com a saúde do coração. Quase 20% das mortes por essa doença são atribuídas ao cigarro, mas os cientistas ainda não têm uma compreensão clara sobre o que está por trás deste efeito.

Fumar afeta o sistema cardiovascular reduzindo os níveis de oxigênio. O teste para analisar o impacto do tabagismo sobre os níveis de colesterol de forma mais rigorosa feito pela University of Wisconsin School of Medicine, nos EUA, analisou 1.500 fumantes. A maioria apresentava sobrepeso. Os fumantes analisados consumiam cerca de 21 cigarros por dia antes do início do estudo.

Depois de um ano, em um dos cinco programas para pôr fim ao tabagismo, 334 tinham conseguido deixar o cigarro. Os que pararam tiveram um aumento de cerca de 5% ou 2,4 miligramas por decilitro do colesterol HDL.

Fonte: Tobacco News

PETab – Pesquisa Especial sobre Tabagismo – Principais pontos

A Pesquisa Especial sobre Tabagismo – PETab – foi realizada em 2008 e publicada recentemente pelo Governo Federal, através do Instituto Nacional do Câncer (INCA) e do Ministério da Saúde.

Os principais pontos observados foram os seguintes:

Dependendo da região geográfica, 16 a 19% dos brasileiros fumam – em média 17,5%  da população – 22% dos homens são fumantes, e  13,3% das mulheres. As regiões Sudeste e Centro-Oeste apresentam as menores porcentagens de fumantes, e a região Sul a maior porcentagem.

Apesar disto, o maior contingente de fumantes está na região Sudeste – 10,5 milhões de pessoas são fumantes.

Total de fumantes do país: 24,6 milhões de pessoas – destes, apenas 2,1% são fumantes ocasionais.

Total de não fumantes: 118,4 milhões – 82,8% da população. Destes, 26 milhões são ex-fumantes, a maioria com mais de dez anos sem fumar. Continuar a leitura »

Maior parte dos fumantes pensa em parar

Dos cerca de 25 milhões de brasileiros que fumam, 52,1% pensam em parar. Essas são das das informações que constam da Pesquisa Especial sobre Tabagismo (Petab), apresentada ontem, Dia Nacional de Combate ao Câncer. A Petab, realizada pelo IBGE, com apoio do Instituto Nacional de Câncer, foi incluída, pela primeira vez, na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) 2008.

De acordo com os resultados da pesquisa, o total de fumantes corresponde a 17,2% da população acima de 15 anos. Os percentuais de fumantes são maiores entre os homens (21,6%), entre as pessoas de 45 a 64 anos de idade (22,7%), entre os moradores da região Sul (19,0%), os que vivem na área rural (20,4%), os menos escolarizados (25,7% entre os sem instrução ou com menos de um ano de estudo) e os de menor renda (19,9% entre os sem rendimento ou com menos de um quarto de salário mínimo).

A Petab, com 91 perguntas, foi aplicada em 50 mil domicílios. O questionário é o mesmo aplicado em outros 13 países, como parte Inquérito Global de Tabagismo (GATS), iniciativa da Organização Mundial da Saúde. Em cada casa visitada, uma pessoa com mais de 15 anos (que podia ser fumante diário, fumante ocasional, ex-fumante ou não-fumante) foi escolhida aleatoriamente para responder às questões sobre derivados do tabaco que emitem fumaça (cigarro, charuto, cigarrilha) ou não (rapé, fumo de mascar).

Faça o download da pesquisa completa (em pdf) clicando aqui.

Internet ajuda jovens a parar de fumar

parando_fumarA Universidade de Illinois, em Chicago (EUA), está liderando um projeto avaliado em US$ 2,9 milhões (cerca de R$ 5,6 milhões) do Instituto Nacional de Câncer norte-americano sobre o uso da internet em tratamentos para fazer com que jovens entre 18 e 24 anos parem de fumar.

“Surpreendentemente, esse grupo tem a maior taxa de fumantes em comparação a qualquer outra faixa etária”, disse o professor de psicologia e principal investigador do estudo, Robin Mermelstein.

“De fato, o ato de fumar começa a aumentar gradativamente entre os 18 e 24 anos de idade e, mesmo assim, muitos jovens pensam em largar e realmente querem parar, mas eles têm as taxas mais baixas de desistência ou tentativa.” Continuar a leitura »

Obama muda lei que limita atuação da indústria do cigarro

O presidente dos EUA, Barack Obama, assinou nesta segunda-feira (22/06/09) uma lei histórica que dá ao governo amplo poder regulatório sobre os cigarros e outros produtos oriundos do tabaco.

Obama, que afirmou ter começado a fumar quando adolescente, disse que a lei vai limitar a capacidade da indústria do tabaco de fazer propaganda de seus produtos para as crianças.

“Ela vai forçar as companhias a informar mais clara e publicamente sobre os efeitos nocivos e mortais dos produtos que eles vendem”, disse Obama. Ele acrescentou que sabia pessoalmente como é duro para as pessoas pararem de fumar. Continuar a leitura »

Dicas úteis para parar de fumar

Planeje
Determine um dia em que você vai parar e crie um plano de ação para chegar lá. Depois que você parar, não fume – NEM UMA TRAGADA!

Procure ajuda
Pesquisas mostram que você tem uma maior chance de conseguir parar de fumar se tiver ajuda. Sua família e amigos podem oferecer apoio para ajudá-la a lidar com acontecimentos que aumentem sua ansiedade e sua vontade de fumar.

Mude sua rotina
Inclua ginástica na rotina diária e procure controlar o stress de maneiras saudáveis.

Consiga medicamentos e use corretamente
O Ministério da Saúde aprovou diversos medicamentos, como reposição de nicotina, que ajudam a parar de fumar. Consulte seu médico sobre o assunto.

Esteja preparado
A maior parte das recaídas ocorre nos três primeiros meses depois de parar e a maior parte das pessoas tenta diversas vezes antes de finalmente conseguir largar o cigarro. Tente evitar situações “tentadoras”, como beber ou sair com fumantes.

Recomendações da Conferência Mundial Tabaco OU Saúde

14ª Conferência Mundial Tabaco OU Saúde – Mumbai, Índia – 8 a 12 de março de 2009

A 14ª Conferência Mundial em Tabaco OU Saúde reconhece que:

  • Todos os produtos de tabaco são perigosos e criam um grave problema econômico, especialmente nos países de baixa renda.
  • A comunidade de controle do tabaco precisa aumentar os esforços para combater esta epidemia.
  • A indústria do tabaco comercializa todas as formas de produtos de tabaco e continua a desenvolver novos produtos.
  • A indústria do tabaco obstrui medidas eficazes de controle do tabaco e continua a promover seus produtos de todas as maneiras possíveis, incluindo a indústria de entretenimento.
  • A Convenção-Quadro para o Controle do Tabaco (CQCT) é uma ferramenta efetiva adotada por 84% dos países do mundo.

Continuar a leitura »

Assembléia de SP aprova lei anti-fumo

A Alesp (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo) aprovou na noite desta terça-feira o projeto de lei 577/2008, do governo, que bane o tabagismo em quase todos os ambientes fechados no Estado. Foram 69 votos a favor e 18 contra. O texto segue agora para sanção ou veto do governador José Serra (PSDB), que tem dez dias para se manifestar.

Proposto em agosto de 2008, o projeto bane o cigarro de ambientes coletivos fechados, públicos ou privados, e proíbe as áreas de fumantes.

O projeto foi aprovado com três emendas propostas pelos parlamentares. Na primeira delas, o governo de São Paulo terá de disponibilizar medicamentos e assistência médica aos fumantes que queiram parar de fumar. Outra emenda também acatada pela Casa é que a lei só entre em vigor 90 dias após sua publicação no Diário Oficial. Por último, neste período, o governo deverá realizar ampla campanha para explicar a lei. Continuar a leitura »

85% dos jovens são contra fumar em ambientes fechados

Pesquisa Datafolha com jovens entre 12 e 22 anos revela que 85% deles são contrários ao fumo em ambientes fechados – o mesmo proposto em um projeto de lei em tramitação na Assembleia paulista.

Encomendado pela Aliança de Controle do Tabagismo – ACTBr, o levantamento mostra que, mesmo no universo dos fumantes, a rejeição é alta: 63% disseram aprovar o banimento do fumo em lugares fechados.
A pesquisa foi feita com 560 jovens de ambos os sexos nos dias 18 e 19 de dezembro passado em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Porto Alegre e Brasília. “Tem toda uma questão de iniciação a que os políticos precisam ficar atentos. É nesses ambientes que os jovens começam a fumar. A moçada não começa a fumar dentro de casa”, diz Paula Johns, diretora da ACTBr.

Segundo o Datafolha, a maior rejeição ao fumo foi detectada em restaurantes -90% dos jovens são contra e 8% a favor. Em bares e boates a reprovação foi de 60% e 62%, respectivamente (contra 32% e 31% favoráveis). Entre os entrevistados de 12 a 14 anos, 3% afirmaram ser fumantes. O índice sobe para 11% entre os jovens de 15 a 17 anos e chega aos 19% entre os de 18 e 22 anos.

Entre as cidades pesquisadas, Porto Alegre é a que tem o maior percentual de jovens fumantes, com 28%. São Paulo vem em segundo, com 13%, seguido de Rio de Janeiro (12%), Salvador e Belo Horizonte (10%) e Brasília (6%).

Fonte: Folha de São Paulo

Por quê este site?

Pulmões de fumante e de não-fumante

Diariamente atendo pacientes em fase final de doenças pulmonares. Alguns com câncer de pulmão, muitos com enfisema e bronquite crônica. Vejo neles o sofrimento causado pelo cigarro e o arrependimento por não ter parado antes.

Além de ajudar as pessoas a parar de fumar, acredito ser também dever do médico participar do processo de informação e educação continuada da comunidade.

Pare de fumar e ajude alguém a parar. Enquanto é tempo.

Enquete

Se você parou de fumar, como conseguiu?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...
Calculadora de cigarros
Número de anos em que você fuma ou fumou:


Média diária de cigarros fumados:


Preço médio de um maço de cigarro:

Use "ponto" para separar os centavos.